9 equipamentos que você precisa conhecer para montar seu home studio no quarto

Última atualização em

Você quer montar um home studio no quarto, mas não sabe quais os equipamentos e nem a ordem correta para comprar?

Isso é um desafio e tanto, certo?

A maioria das pessoas pensa assim.

Mas a verdade é que começar é mais fácil do que você imagina.

Falo isso por que no inicio você precisa saber apenas algumas coisas básicas.

E neste post eu te mostrarei como montar um home studio no quarto com um ótimo custo benefício.

Saiba como não gastar dinheiro à toa

home studio no quarto

Isso de fato é uma mentalidade interessante, pois você pode até começar fazer grandes investimentos no inicio.

Mas como na grande parte das vezes, no primeiro momento, a Produção Musical se trata de um hobby. Você pode se sentir muito pressionado a obter ótimos resultados na qualidade das suas músicas logo no inicio com todos esses equipamentos caríssimos que você adquiriu.

E sob muita pressão, vem logo o desanimo, o arrependimento e você desiste de tudo, ficando no prejuízo.

Eu mesmo já comprei equipamentos no momento errado e quero que você evite isso.

Cuidado com os preços muito baixos

Dependendo da sua situação financeira, não é recomendável logo de cara comprar um monitor da KRK Rokit 8 ou um Yahama HS8, como explicarei mais um pouco a frente.

Mas também é coisa de louco querer comprar equipamentos mais baratos de camelô a todo custo.

Existem limites de preços que devem ser levados em conta num projeto de home studio no quarto.

Como montar um home studio no quarto: os 9 equipamentos principais que você deve prestar atenção

home studio no quarto o que comprar

Neste artigo vou listar 9 itens importantes que você deve adquirir logo no inicio dessa empreitada.

Isso tudo porque você já começa a projetar o seu pequeno home studio com um investimento mínimo de tempo e dinheiro.

E, além disso, é um setup básico que você pode incrementar ainda mais no futuro quando tiver maiores necessidades.

1. Computador/notebook para não travar nada

notebook home studio no quarto

Vamos começar com um dos equipamentos mais caros e mais importantes do seu home studio no quarto.

Mas quase todo mundo tem um computador ou notebook que já são rápidos suficientes para pelo menos começar.

Isso não quer dizer que no futuro você investirá em computadores ou notebooks melhores. “Literalmente, qualquer computador fabricado a partir de 2001 pode ser usado para produzir música”, como fala o produtor Adrian Yin Michna.

Por experiência própria, comecei a produzir usando o Fruity Loops Studio 7 em um computador com memória de 512 MB de RAM e processador de 1 GHZ apenas.

Se quiser saber mais detalhes de como escolher um computador/notebook para produção musical, leia esse artigo aqui.

Caso você ainda não pode adquirir um novo equipamento, então saiba como aumentar o desempenho do seu FL Studio acessando o meu artigo FL Studio Travando.

2. O programa de produção musical para transformar suas ideias em mp3

qual daw escolher para o seu home studio no quarto

Levando-se em conta o seu fluxo criativo na criação de sua música, a escolha do programa de produção musical é de extrema importância. Conhecido também como DAW (Digital Audio Workstation), ele é um software utilizado para todas as etapas de criação da sua música: criação de arranjos, síntese sonora, criação da batida, gravação de vocal, gravação de instrumentos musicais e manipulação de áudios em geral.

Aí vem a pergunta: qual o melhor DAW a ser utilizado? Resposta: Aquele que você se sentir melhor pra criar as suas músicas ou realizar suas gravações. E hoje em dia, todos os DAWs soam exatamente iguais como você pode verificar no Audio Myths Workshop que ocorreu em 2009 em Nova York.

No meu caso, eu me adaptei muito bem no FL Studio depois de tentar outros programas. Realmente a escolha é uma coisa bem particular. Escolher o seu programa de produção musical favorito é como um namoro. Baixe algumas versões de testes dos programas. Explore todos os recursos que cada software pode lhe oferecer. Os programas são bem semelhantes em muitas coisas, mas certos detalhes podem fazer com que você escolha o seu DAW favorito.

3. Headphone para mixagens cirúrgicas

headphone para home studio no quarto

Se você quiser iniciar logo as suas produções musicais no seu home studio, não pense duas vezes: compre um headphone.

Uma das vantagens é que, além de ser barato, você não incomoda ninguém quando estiver no processo de criação de suas tracks.

Existem 2 tipos de headphone que você deve se atentar:

  • Headphone fechados: Consiste em um fone de ouvido com isolação do som, ou seja, uma pessoa ao seu lado tem dificuldade em ouvir o áudio reproduzido no equipamento. Em compensação, ele peca um pouco na qualidade sonora. Com isso, ele é mais indicado para retorno de gravação de vozes, violão, guitarras.
  • Headphone aberto: É um fone que reproduz um som com maior qualidade, porém detém de baixa capacidade de isolação do som. São perfeitos para realizar mixagem das suas músicas.

Pessoalmente eu não faço a mixagem das minhas músicas pelo headphone, mas conheço alguns produtores finaliza uma track toda nesse equipamento.

Eu uso o headphone apenas para conferir detalhes mais cirúrgicos da música, excesso de reverberação e para começar as ideias das minhas tracks.

Acho que é uma coisa muito pessoal e me limitei apenas a mostrar os dois lados da moeda.

Ah! Outro fator importante para prestar atenção é o conforto proporcionado na utilização do headphone. Não se esqueça de que você passará algumas horas com este equipamento nos ouvidos.

4. Monitor de studio para saber se a sua música bate bem

escolha do monitor de audio pra home studio

Chegou o equipamento que quando comprei fez uma diferença estrondosa nas minhas músicas: o monitor de áudio. Passei uma vida produzindo em um headphone headset comum e nunca conseguia chegar numa boa mixagem. Quando comprei o meu monitor de studio, tudo mudou! Descobri um mundo novo… hahaha.

Mas ressalvo novamente, isso é uma opinião pessoal. Pode ser que você se acostume já com um headphone como dito anteriormente.

A diferença de um monitor de studio para um caixa de som comum é que o primeiro detém de uma resposta flat. Os monitores de áudio têm uma resposta de frequência muito mais plana, que fornece um som mais neutro e não modificado para você julgar objetivamente a sua mixagem.

Além disso, o primeiro fator que você deve se atentar na hora de ler as especificações técnicas deste equipamento é:

  • Monitor de áudio ativo: O amplificador de áudio (dispositivo que aumentará o sinal de áudio proveniente do seu computador) é embutido na própria caixa de som.  Logo, basta apenas plugar o conector do monitor no seu notebook que o som será reproduzido.
  • Monitor de áudio passivo: O amplificador de áudio é externo a caixa de som e você deve adquirir esse dispositivo por fora.

O investimento neste equipamento é um pouco mais alto em comparado com os itens anteriores deste tutorial de um home studio.

5. Interface de áudio para centralizar tudo

interface de audio para home studio no seu quarto

Considero a interface de áudio como o coração de todo o seu home studio no quarto. É o local onde você centraliza toda a conexão de microfones, monitores de áudio e headphones. É neste dispositivo que todo o sinal de gravação do seu microfone é convertido para uma linguagem que o seu PC entende.

O seu computador já tem um conversor de áudio interno, mas ele não foi fabricado para fins profissionais. Além disso, você pode contar com a sua baixa latência na hora da produção musical. Problemas como travamentos no DAW e chiados podem ser resolvidos com este dispositivo.

Você pode encontrar interfaces de áudio com diversos recursos diferentes. Alguns têm botões de controle de volume do monitor de áudio e microfones e outros contém até um painel de interface digital. No entanto, todas as excelentes interfaces são flatsnão adicionam nenhum ruído ou distorção ao som. É aqui que as interfaces de alto padrão diferem das mais baratas.

Para finalizar, a escolha do modelo perfeito vai depender de qual finalidade você vai utilizá-lo. Para gravação de uma banda, é interessante investir em modelos com muitos canais de áudio. Já para produção musical e mixagem, as interfaces com poucos canais já está de bom tamanho.

6. Microfone para soltar a voz

microfone para home studio preço baixo

Os microfones são os ‘ouvidos’ do seu home studio no quarto. Eles são responsáveis por converter sons em sinais elétricos que serão enviados para a sua interface de áudio. Mesmo que você não cante ou realize gravações, é sempre bom adquirir este equipamento para o seu home studio.

Tenha em mente que cada tipo de microfone tem uma performance diferente, dependendo de qual instrumento será gravado. Existem microfones específicos para vocais, guitarras, baterias, pianos e outros instrumentos. Mas o microfone que é ‘pau para toda obra’ é o do tipo com diafragma grande – cardioide – condensador.

Evite os microfones USB! Como eles não necessitam de uma interface de áudio, você já pode imaginar que são de baixa qualidade.

7. Cabos resistentes para interligar seu setup

cabos xlr para home studio o que e

Um dia o seu home studio no quarto terá muitos cabos com diferentes tipos e tamanhos. Por enquanto, você precisará de apenas 3 tipos de cabos:

  • 1 cabo longo com conectores XLR ou Cannon para a ligação do microfone.
  • 2 cabos curtos para ligação dos seus monitores de áudio. O tipo de conector vai depender muito da entrada de som das suas caixas de studio.

Se for montar e soldar os seus próprios cabos, prefira os cabos da marca Santo Angelo.

8. Suporte de microfone para seu conforto e qualidade de gravação

suporte de microfone para home studio

Muitos iniciantes assumem que todos os suportes de microfone são iguais. A verdade é que um suporte de microfone confiável é também um investimento importante para o seu home studio no quarto.

Existem suportes de microfone de diversas marcas e tipos, mas basta adquirir um que seja barato e confiável.

Um suporte deste tipo já é mais do que suficiente no começo.

9. Pop Filters

pop filter home studio pequeno

O último item que você adquirá no seu home studio no quarto é o pop filter.  Ele consiste em um acessório de armação plástica com um tecido que fica posicionado entre o microfone e a boca do cantor. Funciona como uma barreira para o vento expelido pelo vocalista, onde passam para o microfone somente as ondas sonoras desejadas.

Para entender como funciona este acessório, basta colocar sua mão na frente da sua boca e diga as palavras Bá, Tá e Pá. Você percebeu na sua mão que sai um ventinho mais forte quando você fala essas sílabas, e que isso não ocorre com outras?  O grande benefício do pop filter consiste na resolução deste problema logo na origem. Isso evita esta correção na hora da mixagem do vocal.

A outra utilização importante do pop filter é garantir que a cápsula do seu microfone condensador principal não seja afetada pelas micropartículas de saliva altamente corrosivas que saem da boca do cantor, que podem comprometer a vida útil da cápsula do seu microfone. E o conserto desse microfone pode acabar saindo beeeem mais caro que a compra de um pop filter.

Qual o seu próximo passo para montar seu home studio no quarto?

proximo passo para escolher o que comprar para seu home studio no quarto

Ufa, finalmente! Este artigo foi só apenas um assunto introdutório. Se eu fosse escrever mais coisa, este tutorial ficaria muito extenso. Pensando nisso, vou dividir o resto do tutorial em outros artigos.

2 comentários em “9 equipamentos que você precisa conhecer para montar seu home studio no quarto”

  1. Muito interessante seu passo a, passo.
    Meu marido montou um há 3 anos.
    Tivemos que atualizar o computador para o Windows 10 e para nossa tristeza ele perdeu todo o seu trabalho.
    Você saberia indicar alguém que pudesse fazer uma consultoria em casa e ajudar a resgatar todos os programas da, interface de áudio e plug-ins?
    Me ajudaria muito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *